quinta-feira, 13 de novembro de 2008

Meter a mão na papa 04112008

É giro, faz parte – não conheço nenhuma criança que não goste – é diferente e, sobretudo, é pegajoso, pelo que, tem muito mais piada!!! Sempre que estou a dar-te a papa lá vais, por tentativas, tentando chegar a mão ao prato, com ar descontraído e como se não fosse nada contigo. Eheh. Eu enfim, acabo por deixar (com conta, peso e medida). É ver-te com ar muito satisfeito, a abrir e fechar a(s) mão(s), não só para sentires a textura, o pegajoso, mas também para ouvires o som que faz o contacto da pele com a papinha!!! Que divertido não é filha? : - )

2 comentários:

cristina disse...

Tal e qual! Com direito a um extra lá em casa: o cabelo agora também come... :S

Filipa Ricardo & Margarida disse...

Ah, não referi? Pois de facto por aqui é mais ou menos o mesmo, mas nem sempre. Vá, digamos que, quando se lembra, lá passa a mãozinha no cabelo que, como é tão claro e tão pouco : - ), fica tão bonito depois!!! : - ) : - )